Pós-graduação em Enfermagem Obstétrica

  • Carga Horária

    480 horas/aula.

  • Horário (Quinzenal)

    Sextas-feiras - 18h30 às 22h.
    Sábados - 08h às 12h e 14h às 18h.

  • Coordenador

  • Financiamento

    Sob consulta.

Sobre

Compete ao Enfermeiro Obstetra, conforme a Portaria n. 163, de 22 de setembro de 1988, do Ministério da Saúde, a possibilidade de emissão de laudos de internação e inclusão desse profissional, na tabela de pagamento do SUS, assim como profissional necessário na composição da equipe, quando foi criado o Centro de Parto Normal (CPN), Portaria nü 985, de agosto de 1994. Destarte, é necessária a formação de profissionais que corroborem com a Rede Cegonha, garantindo um atendimento de qualidade, humanizado e seguro para as mulheres, desde o planejamento familiar, ciclo gravídico puerperal até os dois primeiros anos de vida da criança. Neste contexto, a enfermeiro(a) obstetra tem sido muito solicitado(a), por exercer um papel imprescindível na atenção à mulher no ciclo gravídico-puerperal, partos sem distorcia, além da participação no contexto das políticas públicas relacionadas à obstetrícia.

Público-Alvo

Graduados em Enfermagem.

Início das Aulas

Em breve!

    Estrutura Curricular

  • Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher
  • Aspectos Éticos e Legais da Enfermagem Obstétrica
  • Acolhimento com Classificação de Risco em Obstetrícia
  • Gestão Pública e Privada Voltada à Obstetrícia
  • Enfermagem Obstétrica
  • Obstetrícia Fundamental
  • Parto Humanizado I
  • Parto Humanizado II
  • Consulta de Enfermagem Pós-Natal
  • Interpretação de Exames Laboratoriais Obstetrícia
  • Farmacologia Aplicada a Obstetrícia
  • Gestação de Alto Risco
  • Emergências Obstétricas
  • Aleitamento Materno
  • Curso – Partograma
  • Metodologia do Trabalho Científico
  • Práticas na Maternidade e Unidades Básicas na Saúde da Família
  • Trabalho Monográfico ou Artigo Científico